Booger Network

Sobre a Rede

Booger Network é uma compilação de blogs dispostos em diversas categorias. Estamos em fase de expansão e em breve teremos mais blogs e diferentes categorias.

Anuncie

Integer erat orci, congue sed feugiat eu, pharetra in tellus. Nulla vel est et mi fermentum ullamcorper at a justo. Fusce scelerisque nisi vehicula mauris placerat quis accumsan dolor adipiscing. Donec tempus, nibh ut volutpat fermentum, mauris sem imperdiet ante, at dignissim magna tortor in dui. Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit.

Contato

Blogueiros

Praesent ac elit metus. Ut sed sem nec lorem fringilla molestie a vel risus. Phasellus a commodo felis. Praesent at libero velit.

Leitores

Donec facilisis, sapien ut elementum faucibus, justo urna dignissim sapien, vel elementum lorem est euismod nisi.

Anunciantes

Fusce vitae nunc mi, quis faucibus orci. Nam id lorem justo. In arcu lectus, commodo eget pharetra sed, rutrum quis sapien.

Coração de pedra não sente dor

por em 16/09/2011 às 16:51

Pitacos Masculinos, Relacionamentos

Olá pessoal do Malvadas.org. Sou leitor do blog há mais de 3 anos e sempre leio os posts. Mas o assunto hoje é outro. É um pedaço da minha vida.

Sou do Rio Grande do Sul, tenho 22 anos, 1,82m, um pouco acima do peso, adoro carros, motos, futebol e, logicamente, mulher. Não bebo e não fumo. Também não sou dono de uma beleza singular, mas nunca tive problema em ter alguém do sexo oposto.

As mulheres dizem que eu tenho coração de gelo. Eu discordo, o gelo derrete. O meu coração, agora, é de pedra e me sinto muito feliz por ser assim. Vou explicar:

No auge dos meus 15 anos era o legítimo “pegador“. Aí aconteceu um sentimento, até então, novo para mim: me apaixonei e comecei a namorar.

O relacionamento durou 7 meses e, resumindo, terminamos porque descobri que ela me traía desde o princípio. Fiquei muito mal e não queria mais saber de namorar. Passado algum tempo minhas amigas diziam:

- “Não é porque uma te traiu que outras farão o mesmo. Procure conhecer bem a pessoa antes de ter algo mais sério”.

Eu segui essa ideologia e me interessei por uma “amiga”. Nos conhecíamos há 3 anos e nos víamos pelo menos 2 vezes toda semana. Ficamos e depois de uns dois meses de pegação, começamos a namorar.

Nos davamos super bem. Eu não sou um cara cheio de frescuras e muito menos ciumento. Sempre dei liberdade para ela continuar com as amizades e fazia questão que sempre aceitasse os convites das amigas para dar sair. Jamais dei pití. Eu sentia cíumes, mas sempre tive facilidade em controlar. Enfim, nosso namoro era muito bom.

Passado cinco meses de namoro, tivemos a nossa primeira vez e ela sempre dizia que este dia seria inesquecível. Eu era carinhoso. Dava atenção, presentes, convidava para viajar, sair e assistir filmes. Na cama nos completávamos e era muito bom. Se ela fingiu merece o Oscar.

Não estou dizendo que eu era o namorado perfeito. Só que nunca brigamos e eu não deixava faltar nada. As amigas dela, inclusive, sempre falavam que queriam um namorado como eu. Sem falar da familia dela que até hoje me convida para visitá-los.

Estávamos próximos de completar 3 anos de namoro. Eu tinha passado a semana viajando. Fui fazer um curso em São Paulo e quando cheguei no sábado percebi que ela estava completamente diferente comigo.

Como eu nunca fui desconfiado, e acreditava totalmente nela, deixei esse pensamento de lado. Ainda no sábado, fui na casa dela porque íamos jantar. Ela foi tomar banho e eu fiquei esperando. Nisso, chega uma mensagem no celular dela:

- Adorei a noite de ontem, não vejo a hora de estar novamente com você.

Morávamos numa cidade pequena. Então, era normal ter alguém querendo prejudicar o namoro alheio. Não me precipitei. Busquei nos contatos do msn alguém com o mesmo nome. Encontrei. Sentei e comecei a ler a conversa.

Meu coração disparou. Durante a semana que fiquei fora eles tinham se encontrado mais duas vezes. Na conversa ela dizia que me amava e que não era certo fazer isso.

Amava o CARALHO!

Eu sim amava ela. Quando eu via mulheres lindas na rua não sentia um pingo de atração. A única coisa que pensava era nela e em tudo que ela significava pra mim. Eu realmente a queria do meu lado.

Não tive outra alternativa se não terminar o namoro. Falei verdades e inverdades. Terminei a conversa  afirmando que ela tinha morrido para mim. Nunca mais quis vê-la.

Ela me ligava, mandava recados pelos meus amigos, mas eu sempre recusei qualquer informação. Demorei um bom tempo para superar isso, mas mantive minha posição e em nenhum momento pensei em perdoá-la.

O que eu não entendo é que eu sempre deixei explícito que se ela não estivesse satisfeita, em qualquer momento que fosse, bastava terminar. Esperava que ela fosse mulher o suficiente para fazer isto ao invés de me trair.

Hoje não sinto absolutamente nada por ninguém. Já fiquei com mulheres lindas que muito marmanjo por aí gostaria de ter como namorada. Eu simplesmente não consigo e, principalmente, não quero sentir nada por ninguém.

Estou prestes a me formar com um pré-contrato de emprego assinado com salário de R$12 mil. Quero simplesmente aproveitar minha vida, ter meu carro e minhas coisas.

Não penso em usar ninguém. só quero aproveitar o que consegui com meu esforço e dedicação. Não quero saber das outras pessoas. Namorar? Espero que nunca mais!

De preferência espero ficar uma noite com uma aqui e na outra noite com outra ali… Assim ninguém se machuca.

Este texto vale mais para um desabafo, mas talvez alguém aqui tenha (ou esteja) sentindo o que senti e eu digo: Tudo passa!

—————————————-
Participe também. Mande seu texto ou sugestão para vanessa@malvadas.org

41 Comentários

  1. Vanessa disse:

    Como eu coloquei no título: Coração de pedra não sente dor, MAS também não tem valor. Fiquei anos na mesma situação em que você está. Não queria saber de nada e nem ninguém.Gastava todo o meu salário em festas e diversão. Era ruim? Não. Era muito bom inclusive. Eu adorava não ter a quel dar satisfação. Gostava principalmente em não sofrer. Só que preciso dizer que toda generalização é uma merda, não é?

    Você não pode deixar de acreditar que existam pessoas que valham a pena. Elas existem sim. E eu odeio ser clichê, mas certamente a pessoa certa vai aparecer do nada na sua vida.

    Não devemos perder a fé e viver como uma pedra. Inerte a sentimentos. Quando estamos VERDADEIRAMENTE amando alguém não pensamos mesmo em ferir ou magoar. As duas erraram, te machuraram… Coitada delas.

    A vida é isso, se permitir viver algo novo e, principalmente, verdadeiro. Fico aqui na sua torcida.

    Um beijo e obrigada pelo carinho (e me permita dizer ‘fidelidade’) com o Malvadas.

    1. Luiz disse:

      Oi Vanessa, li o post e o seu comentario, tenho que confessar que saí de um namoro de um ano e meio ( não foi traição, mas o sentimento é igual) e faz um ano que terminamos e ainda gosto dela. Perdemos o contato por n motivos mas não quero saber de namorar, apesar de estar com vontade de ter alguem ao meu lado tenho medo de como pode ser a relação futura. Ainda procurando alguém. Gostei muito dos textos. bjo

      1. Vanessa disse:

        Você sabe que eu defendo a tese que todos temos medo de amar E de sermos amado. É difícil entregar os pontos e ter aquela sensação de fragilidade e dependência. A possibilidade da entrega e de ser abandonado a qualquer momento é tão hardcore que optamos por sabotar a possibilidade de viver um grande amor.

        É engraçado. Temos uma facilidade de viver um grande amor e procurar, o tempo todo, destruí-lo. Aí, achamos desculpas e justificativas para explicar as nossas inseguranças.

        Como diria R.D.Laing “O que pensamos é menos do que sabemos; o que sabemos é menos do que amamos; o que amamos é muito menos do que existe;
        e nesta concreta extensão, somos muito menos do que somos.”

        Cuidado com a auto sabotagem!

        Um beijo meu,

  2. Danoninho disse:

    Por enquanto estou no estágio coração de gelo. É muito bom se amar, sei lá to gostando assim.

  3. Soraya disse:

    Passei exatamente pelo mesmo, sinto exatamente a mesma vontade de sumir e de não confiar mais em ninguém MAS, não perdi a esperança de achar alguem legal como EU sou e sempre fui com os meus namorados para que tudo isso seja retribuído de verdade. Além disso, acabou a molezinha de namoro tranquilo! Não da pra acreditar mais em contos de fada! Você tem que se impor e colocar uma coleira SIM.

  4. osmar disse:

    também já perdi a fé em encontrar a guria certa. a solidão não traí ninguém. mesmo assim não negue seus instinstos, se você ver alguém interessante, pelo menos conheça melhor antes de tudo. uma hora ou outra vais sentir falta de alguém no lado. uma hora.

  5. Guitarrista disse:

    Pois é cara… todos passam por uma fase assim…
    Tive um namoro com uma menina e achei que nunca mais ia ser feliz com qualquer outra mulher, admito, até comecei a surtar, daí apareceu outra, agente foi feliz durante um tempo e terminamos e por ai vai cara, mal to solteiro e já to querendo me envolver com outra pessoa…
    É a vida, é cheia de altos e baixos, de dor, de sofrimento, mas também de muitas mulheres carinhosas, muito sexo e companheiras pra uma vida toda…
    Coração de pedra os cambal, um dia uma mulher vai fazer isso desmoronar fácil…
    Ligue o foda-se cara e esqueça isso! :)

  6. Adlen disse:

    Todos passam por essa fase na vida. E é como pedra que continuamos nosso caminho, até encontrar alguém que consegue derreter não só gelo, mas tambem essa “pedra” que envolve nosso coração.
    Viver é sofrer meu velho, só nos resta achar no que vale a pena.

    1. Tita disse:

      “Só nos resta achar que vale a pena”
      Valeu meu dia que mal começou ;-)

  7. Amar sempre vale a pena… mas como diz o ditado ” O amor é um campo verde de relva…onde sempre vem uma vaca e acaba com tudo!” E como diria o sábio mano brown ” – São vocês que consagraram nosso estilo cachorro”

  8. Carol disse:

    (desabafo por desabafo, vou desabafar tbm…)
    Eu já tenho 3 anos de namoro. Ele foi meu primeiro e único, mas ele não acredita. A gente já terminou duas vezes. Agora estamos tentando segurar a barra. Pior é que ele já me traiu e eu perdoei. Entendo o que é coração de gelo, queria ser mais assim. Eu sofri e ainda sofro, mas não consigo me desapegar. Basta termos uma briguinha que ele já vai atrás das amiguinhas dele, aliás… elas estão lá, só esperando um deslise meu.
    Queria ter um coração de pedra assim, poderia sentir menos e conseguir por um basta nessa cachorrada que é o meu namoro. Minhas melhores amigas me dizem pra terminar, que eu não sou mais a mesma de sempre e que em algum momento eu deixei de me amar para só ter olhos pra ele.
    Alguma dica!? =/

    1. Fernanda disse:

      Olha, eu namorei por 1 ano e 8 meses, noivamos, e terminamos a 3 semanas. Ele nunca confiou em mim de verdade, eu deixei muitas amizades de lado por causa dele, magoei pessoas que sempre estiveram ao meu lado… enfim. No meu caso não foi por traição, mas sim porque ele começou a surtar comigo, ter ciúmes ridículos (ele brigou pq eu estava fazendo minha monografia e não dava atenção pra ele…) e eu não aguentei mais.
      E já me ferrei em um relacionamento anterior a este, onde minhas amigas me falavam pra eu sair dessa e tudo mais, mas eu teimei, fui e quebrei a cara, mas eu já estava preparada para o que estava por vir.
      Agora a dica que tenho pra te dar é a seguinte: CULTIVE O AMOR PRÓPRIO. Eu estou em processo de cura, mas estou buscando os objetivos que deixei pra trás por conta deste namoro, assim como as pessoas que perdi o contato.
      Não estou feliz ainda, mas eu não acredito em amores eternos. Eu fui feliz com ele, por um período, mas acabou. Isso não quer dizer que não possa encontrar outra pessoa que me faça feliz também, é só tentar se focar em você e não deixar que um relacionamento acabe com o seu emocional.
      Se não está dando certo, parta pra outra. É doloroso eu sei, mas ficar nessa é muito pior.

      ps: Fico meio confuso aí, mas tentei ajudar ^^

    2. lavratti disse:

      Eu ja amei uma mulher dessa maneira. Mas ela vivia me dando patada. Eu ficava puto mas nao conseguia deixar de falar e ficar com ela. Mas uma hora eu tive de aceitar que ela nao prestava e que havia mulheres mais legais para se relacionar e mais gostosas para se comer. Enfim, eu consegui me larga daquela mulher. Tudo vai depender da sua força de vontade. Voce tem que mostrar pro seu namorado que voce nao e um brinquedinho dele, ate pq e chato ficar controlando alguem que so quer seu bem. No meu caso, nao tive um coraçao de pedra criado a força, eu tive que treina-lo pra aguentar pressao. Treine o seu tbm :)
      obs o correto e deslize com ‘z’

    3. Mah disse:

      Uma dica? Termine antes que seja tarde! Depois que vc tomar esta atitude e “se livrar” dessa pessoa (que pelo jeito só te faz mal), vc perceberá o quanto errou perdoando e compactuando com as coisas que ele faz. É minha amiga, vc também é culpada por ele fazer o que faz. Liberte-se enquanto há tempo, por mais que vc sofra no começo, que ele te peça perdão de joelhos… SEJA FIRME! Se ele não te dá o seu merecido valor é pq ele não te merece!
      Beijo e se cuide!

  9. dani disse:

    Todo mundo um dia passa por essa fase de coração de gelo e coração de pedra e digo por experiência própria que um dia vem alguém e derrete o gelo e quebra a pedra. Até meus 27 anos de vida eu nunca tinha namorado com ninguém seriamente, só na farra e pulando de galho em galho, até que conheci meu atual namorado. O primeiro namorado aos 27 anos!heheheheheh Estamos juntos há dois anos e é muito bom ter uma pessoa do seu lado que te entende, que te gosta…acho que tudo na vida tem sua fase, já tive minha fase de esbórnia agora tô na fase calma de namoro, acho que a gente não pode é generalizar, lógico que existem homens e mulheres fdp que não valorizam a pessoa que está do lado mas um dia vc via encontrar alguém que te toque e aí seu coração de gelo vai pro espaço…por enquanto, curta bem sua vida, vc é jovem tem mais é que curtir mesmo!

  10. Dolfo disse:

    É complicada a situação, mas o que aconteceu é que a maioria das pessoas tem medo de terminar o relacionamento atual e se arriscar em outro então elas fazem o errado mantêm 2 relacionamentos até ter certeza da troca!

  11. keila disse:

    Bom, lendo a história me indentifiquei muito…quando aconteçe a”traição”, a gente pensa ser a única pessoa no mundo a estar assim, com o coração em pedações…mas adivinhe?? você não foi o primeiro e não será o último com certeza. a vida é assim, as pessoas são assiim, cada um tem a sua cabeça, seu sentimento. Sei disso porque também tive um relacionamento de 5 anos com uma pessoa, a qual eu me entreguei por inteiro na relação, confiava totalmente, e fui traída. Fiquei no fundo do poço, ruim mesmo, pois era muito dependente. Agora com o passar do tempo, descobri que a pessoa a qual eu deve ser mais leal, e amar em primeiro lugar, sou EU!! Aprendi a me amar, a me curtir, e digo: está sendo muito bom. Se vou ter um relacionamento sério de novo? Não sei, mas se tiver, terei uma visão mais experiente e mais madura da situação. A vida é assim, um aprendizado atrás do outro, e olha tenho só 22 anos, mas a gente vai aprendedo muito a cada dia. E pro “cara” do post uma dica: não deixe de ter fé nas pessoas, tudo acontece por um motivo, nem todas as pessoas são iguais. Infelismente os bons pagam pelos ruins. Mas acredite no amor, ele existe! Beijoos

  12. Aaaaah,infelizmente isso é ruim… meu ultimo relacionamento foi a mesma coisa, durou 1 ano e eu tive que terminar, pq ele tava brincando demais cmg, só queria saber de festas e amigos e provavelmente outras mulheres…e depois disso venho com medo
    de me apaixonar de novo e quebrar a cara !
    Se esse depoimento foi realmente verdadeiro, está de parabéns esse rapaz…
    espero que aqui onde eu moro encontre alguém como ele *_*

  13. Mayara Carmo disse:

    Nossa carol , as vezes o amor nos deixa cegos,obcecados, mas cara perdoar uma traição é difícil porque ele pode tornar a fazer de novo, eu sei que sempre devemos dar uma 2° chance pra alguém , mas corremos o risco de se magoar de novo. O que eu tenho pra te falar é que você pense bem no que ta acontecendo com você, se você realmente se sente feliz e completa ao lado dele.Não vale a pena ficar com alguém que só te faça sofrer.Lembre-se temos que nos amar em primeiro lugar,escute as suas amigas , se elas dizem que você esta mudando,talvez elas estejam certas.

  14. Pamela disse:

    Eu nunca tive uma decepção amorosa, mais me vi em seu titulo “coração de pedra”, ja nasci assim, sem amar e sem dar a mínima importancia para isso, porque simplesmente nao tenho tempo a perder. Vejo garotas que choram e morrem por seus “casinhos”, enquanto elas quererm amor eterno eu quero PODER, Conquistas!!!!

  15. doctorsambr disse:

    Coração de pedra de que vale isso, me perdoe mas de nada vale, pois o único prejudicado no fundo será vc mesmo, pois a vida esta ai pronta para ser vivida sentida em toda sua plenitude, te garanto que enquanto vc estava sofrendo ela estava se divertindo,enquanto se importava com que ela pensava nela ela estava se esbaldando e se lichando, pois quem gosta quem ama de verdade cuida respeita, digo isso para que vc deiche de lado esse coração de pedra, se vc ainda não está pronto para um novo relacionamento, ótimo fique bem com vc mesmo, aproveite para se conhecer, tenha um profundo relacionamento com o seu eu, mas coração de pedra te garanto não vai te ajudar em nada so vai te impedir de conhecer pessoas e situações maravilhosas que a vida pode lhe proporcionar, siga em frente com dignidade cabeça erguida e acima de tudo se respeite, e vera que tudo aconteçe na hora e no momento certo, experiencia propria de quem teve um casamento de 10 anos terminados pelo telefone e uma traição pelas costas do tamanho do mundo não traição carnal e sim moral, mas é como dor de barriga doi incomoda mais uma hora passa a minha passou.

    1. Doctor
      Precisamos nos conhecer! Meu casamento de 12 anos foi terminado por telefone também! E eu que pensei que essa história tão louca e surreal só tivesse acontecido comigo e com mais ninguém no mundo. Mas hj estou bem melhor… querendo encontrar alguém legal… mas tá difícil!

  16. Danielle disse:

    entendo como ele se sente.. e não acho q seja ruim. O problema vai ser se um dia o coração dele “voltar a bater”. Eu terminei um namoro de 3 anos a mais ou menos um semestre, e foi por causa de traição, por conta disso hoje em dia estou com medo, medo de qualquer sinal de interesse de homens por mim. Eu sou de pensar bastante quando algo me faz mal. No entanto não entendo o pq de eu estar assim ainda. afinal qm terminou foi eu. e eu não sinto falta dele. Mas não tenho coragem de abrir espaço na minha vida para uma outra pessoa. Tenho medo de ser fraca e acabar me apaixonando novamente. Só não sei como mudar isso. como voltar a ser a pessoa confiante q eu era antes do relacionamento q eu tive. Mas sou nova, tenho tempo ainda para mudar. (desabafo)!… Gostei bastante do post. Gosto de saber um pouco sobre oq as pessoas sentem.
    Parabéns!!! =D

  17. Rafaela disse:

    Nossa, entrei nesse blog pela primeira vez hoje, e adorei. O Post desabafo, tô nessa mesma situação, coração de pedra, não dá pra entregar o coração a quem não merece.

  18. layla disse:

    eu só tenho 1 pergunta… que emprego é esse que paga 12mil pra alguem de 22??? eu tb quero!!!

    1. Danielle disse:

      kkkkkkkkkkkkkkkkkk… tbm queroo!

    2. Cuzeiro disse:

      Tenha curso superior e passe num concurso público. Tem um monte rolando no Brasil.

    3. Rafael disse:

      Suponho que seja um emprego de alguma área de Engenharia… principalmente se estivermos falando de PETROBRAS…

    4. Rodolfo disse:

      É pode ser engenharia, não só petrobrás, mas por causa das obras da Copa e Olimpiadas, e como tem pouco engenheiro no mercado, o negócio é precontratar mesmo.

  19. nim disse:

    Se sabe como e ter um coração de pedra,não transfira esse sentimento para outra pessoa. Nessa de pegar uma ou outra ali,pode ser que essa pessoa realmente goste de você e a magoando irá torná-lo a mesma que o decepcionou…Moral do desabafo “Não faça com outros oque não quer pra si mesmo” Infelizmente passamos por situações parecidas,ate me identifico mas acredito que encontrarei a pessoa certa. Esse e meu pensamento.Espero que possam ter entendido.

  20. Set disse:

    Bem, como o nosso amigo do post, eu passei por situação parecida na minha adolescência. Só que por mais vezes do que ele.
    No mesmo estilo, eu era pegador, namorei algumas vezes quando novo (14 aos 18), mas sempre sem gostar muito, porém sendo fiel e terminando por causa de infidelidade da parceira. Até ai, tudo bem. Sem grandes traumas, até porque não cheguei a gostar de nenhuma delas. Nas vésperas de completar 18 conheci uma menina, me apaixonei e comecei a namorar.
    Foram quatro anos de namoro, no começo muito bom e depois com altos e baixos, etc…
    Mas ela era muito ciumenta, até pelo fato do meu passado pegador e tal.
    Não sou um ícone de beleza, mas sou relativamente alto 1,83m, moreno, cabelo liso, olhos castanhos bem claros e porte atlético, pois gosto da prática de esportes. Então acaba que sempre fiz sucesso com as mulheres.
    Da mesma maneira que aconteceu com o nosso amigo acima, eu fui traído e não aceitei a traição. Também demorei um tempo para superar, me jogando de mulher em mulher e sem levar nenhuma a sério.
    Hoje estou chegando aos meus 26 anos com quatro anos e uns quebrados de solteiro.
    Me diverti muito nesses anos, conheci muita gente legal (inclusive algumas que daria pra namorar tranquilamente, eu acho) mas não me dei a oportunidade de tentar, exatamente pelo fato de ter um coração de pedra. Bem até ai tudo bem, a curtição era ótima, infelizmente algumas se magoaram pelo fato de não levá-las a sério (mesmo sendo sincero e informando minhas intenções) mas isso faz parte do processo.
    Viajei o Brasil quase todo, curti vários shows e bares por ai, tenho minha vida muito bem remunerada e estruturada, graças a Deus.
    Mas de uns meses para cá, venho sentido a vontade e necessidade de frear essa curtição e essa “Prática do desapego” (termo que as minhas amigas aplicaram em mim) e sinto uma enorme dificuldade em fazer isso, hoje saio com uma mulher e, mesmo querendo, não consigo sentir algo mais sério.
    Então fica minha dica, tudo em excesso faz mal, às vezes se fechar (como eu e várias pessoas fazem) não é o correto, assim como se entregar de cabeça toda vez também não.
    O ideal, é se dar a oportunidade de conhecer alguém e aos poucos ir testando o jeito que o relacionamento caminha.
    Confesso que é a primeira vez que entro no site, não sou de deixar comentários em nenhum site que freqüento, mas achei o texto e o tema legal.
    Vou começar a olhar esse site!
    Boa tarde, galera! ;)

  21. Como dizem… nao existe palavras para um coração partido!!!
    Eu ja passei por essa situação de ser traida e tals. Eu posso dizer por mim que NUNCA trai ninguem e sempre tentei ser o meu melhor em todos os meus relacionamentos!!
    Hoje eu namoro e toda vez que algum pensamento ruim me acomete eu sempre penso : “Quem perde é aquele que se julga esperto demais pra ser pego, pois, a esperteza esta com aqueles que so parecem ignorar, mas no fundo sabem que ser enganado so te livra de alguem que realmente nao te merecia!”
    Entao melhor viver em paz e confiante, ame a si e depois aos outros !!

  22. Bom,Li o Post e todos os comentarios que se seguiram e Acho com concordo Com nosso amigo Aí!
    Eu Tive Um Namoro feliz que durou 3 anos mas que acabou pq ele me traiu o pior de tdo é qu eqndo estamos separados ha uma semana descobrimos que eu estava gravida.
    Foi uma barra,nunca voltamos.
    Meu filho tem hj 1 ano e 8 meses e o pai dele vive a vida dele como se nao tivesse filho nenhum!
    Por hora aqui ó no peito tenho sim um coracao de pedra!

  23. Daniele disse:

    Meu caso e recente passei 10 anos com uma pessoa tenho 1 filha de 9 ,nos separamos por termos a cabeça dura mas ele me deu a esperança de começarmos do zero e a uns 2 anos ele dizia ter uma amiga que sofria muito em casa e eu acreditei pois não via maldade alguma e agora descobri q ele esta com ela,fiquei totalmente decepcionada mas o pior e pq peguei os dois juntos deitados abraçados.

  24. Guilherme disse:

    Sinceramente, uma pessoa de coração de pedra nasce de um relacionamento em que a outra pessoa foi muito fdp.

    No meu caso, namorei quase 3 anos com uma garota, a qual eu amava com tudo que eu tinha, e ela falava que sentia o mesmo, porém, dando um ano de namoro ela saiu com as amigas e acabou ficando com um cara na balada.

    Ela me contou o que fez chorando e pedindo desculpas, pois somente ficou com o cara porque achava que estava ficando chato me beijar. Me senti muito mal com isso, mas quando você ama a pessoa, você acaba dando uma segunda chance (algumas pessoas fazem isso), porém, quando fizemos 2 anos de namoro, ela acabou ficando com outro cara em outra balada.

    Nunca fui contra ela sair para balada com seus amigos, pelo contrario, sempre dizia para ela manter suas amizades. Isso simplesmente me f#&$%, pois os amigos dela ficavam fazendo a cabeça dela falando para me largar, que eu era pobre e feio (sim, não sou uma beleza aos olhos de todos e não tenho muito dinheiro, já que moro com minha irmã e mãe, mas sempre fiz de tudo para agradá-la, tanto que não gastei por um mês para comprar as roupas que ela tanto queria).

    Depois que ela ficou com esse segundo cara ela começou a ficar diferente, sendo que faltando um mês para 3 anos, ela me chutou falando que queria pensar…. Pensar, sei.

    Depois de 3 meses que ela terminou, ela já estava namorando outro cara.

    Não nego que depois disso eu fiquei com um coração de pedra, sendo que é difícil eu ficar com uma pessoa por mais de uma semana…

    Coração de pedra, as vezes, é a melhor opção.

  25. Junior Fox disse:

    Caramba com tem gente que se machuca por se envolver com pessoas erradas. Fui casado quatro anos com uma garota que jurava ser a mulher da minha vida. Até porque meus amigos achava que nunca isso iria acontecer. Mas me enganei completamente.No final da contas ela apenas olhou para mim e falou NAO SOU FELIZ CASADA…. Foi um back. Passei um bom tempo para me recuperar. Quando aconteceu de conhecer outra pessoa. E por ironia, não cheguei a casar com ela, mas simplesmente ela se foi…. Sem explicação…Hoje sou mais fechado para relacionamentos, desconfiado, Tento me manter frio, sem demostra qual sentimento…EU SOU UM CORAÇÂO DE PEDRA..

  26. nair disse:

    o coração de pedra ainda pode quebrar o meu e de chunbo e mais dificil não quebra ninguem consege entrar nele

  27. nair disse:

    Sofrimentos que fazem parte da nossa vida, do nosso dia a dia, decepções com as … ‘Quanto mais puro é o coração da gente, maior vai ser o nosso sofrimento por tudo … foi deixado de lado, a gente corre o risco de endurecer o coração da gente e … eu simplesmente não consigo entregar meu coração a mais ninguém